Como utilizar IA nas estratégias de engajamento em 2024 - Vertem
Skip links

Como utilizar IA nas estratégias de engajamento em 2024

PUBLICADO EM:
01 fevereiro, 2024

PUBLICADO EM:
Cases

A cada ano que passa, a tecnologia evolui exponencialmente e, cada vez mais, desempenha um papel fundamental na personalização da experiência de clientes, possibilitando interações mais relevantes e eficientes entre eles e as empresas.

É nesse contexto que a Inteligência Artificial (IA) desponta como uma boa estratégia de engajamento e um bom caminho para fidelizar consumidores através de CX (Consumer Experience) inteligente.

Segundo a pesquisa CX Trends 2024, diversas tendências estão impulsionando a experiência do cliente em direção a um futuro mais inteligente que pode beneficiar consumidores e empresas:

  • 59% dos consumidores acreditam que a IA generativa vai mudar completamente a forma como eles interagem com as empresas nos próximos dois anos. E para aqueles que já experimentaram a tecnologia em primeira mão, esse número sobe para 75%;
  • Cerca de 70% dos líderes de CX acreditam que a IA generativa está tornando cada interação digital com o cliente mais eficiente, desde funções de pesquisa até assistentes de voz, oferecendo experiências mais personalizadas e satisfatórias.

A convergência entre Inteligência Artificial e estratégias de engajamento do cliente pode trazer benefícios significativos, ajudando a personalizar interações, otimizar processos, reduzir custos e oferecer uma experiência mais relevante para os consumidores.

9 formas de convergir Inteligência Artificial e estratégias de engajamento

Embora ainda esteja nos estágios iniciais, a IA generativa já provou ser uma tecnologia eficiente e está cada vez mais integrada à experiência do cliente. Essa tecnologia impulsiona a hiperpersonalização e ajuda empresas a oferecer interações mais humanizadas e pessoais, que são fundamentais nas estratégias de engajamento.

Confira a seguir, como incorporar a Inteligência Artificial na sua estratégia.

1. Análise de dados

Utilize algoritmos de IA para analisar grandes conjuntos de dados de consumidores e identificar padrões comportamentais. Com base em análises de dados históricos, é possível prever comportamentos futuros que permitem antecipar as necessidades de potenciais clientes. 

2. Personalização

Implemente sistemas de recomendação baseados em IA para personalizar conteúdos, produtos ou serviços, com base nas preferências individuais dos clientes. Utilize chatbots alimentados por IA para fornecer respostas personalizadas, apresentar produtos interessantes e entregar informações úteis e recomendações em tempo real.

3. Automação de Marketing

Utilize sistemas de automação de marketing baseados em IA para segmentar audiências de forma mais eficiente e enviar mensagens personalizadas. É possível ajustar automaticamente as campanhas com base no desempenho, em tempo real, para otimizar os resultados.

4. Chatbots inteligentes

Implemente chatbots com capacidade de compreensão de linguagem natural para oferecer suporte ao cliente 24 horas por dia, 7 dias por semana. Os chatbots podem ser utilizados para iniciar conversas proativas e interativas com os usuários,  despertando o interesse e melhorando o engajamento.

5. Análise de sentimento

Utilize algoritmos de análise de sentimento para avaliar as reações dos usuários em relação a produtos, serviços ou campanhas. Ajuste suas estratégias com base nas percepções e sentimentos extraídos da análise de sentimentos.

6. Gamificação

Incorpore elementos de gamificação com IA para criar experiências mais envolventes e motivar os usuários a participarem ativamente. Sistemas de pontuação e recompensas personalizadas são capazes de incentivar o engajamento contínuo.

7. Segmentação dinâmica

Utilize algoritmos de aprendizado de máquina para criar segmentações dinâmicas com base em comportamentos e interesses em tempo real. Ofereça campanhas específicas para cada segmento, melhorando a relevância das interações.

8. Assistentes virtuais

Implemente assistentes virtuais baseados em IA para fornecer suporte personalizado e orientações aos usuários. É possível ainda integrar assistentes virtuais em diferentes canais para criar uma experiência coesa e consistente.

9. Previsão de tendências 

Utilize algoritmos de previsão para antecipar as tendências do mercado e ajustar suas estratégias de engajamento, impulsionando a experiência do cliente em direção a um futuro mais inteligente.

Lembrando que, ao integrar a Inteligência Artificial nas estratégias de engajamento, é crucial manter uma abordagem ética, transparente e respeitosa em relação à privacidade do cliente. Monitorar e ajustar continuamente as estratégias com base nos dados e nos feedbacks é fundamental para garantir o sucesso no longo prazo.

Desafios da implementação da Inteligência Artificial em 2024

Embora a IA ofereça inúmeras oportunidades para aprimorar as estratégias de engajamento, há também desafios significativos a serem considerados em 2024. Saiba mais sobre esses desafios.

Ética e privacidade – A crescente utilização da IA em estratégias de engajamento levanta preocupações éticas e de privacidade. Garantir a transparência e o consentimento adequados dos usuários é crucial.

Viés algorítmico – Os algoritmos de IA podem herdar e amplificar preconceitos presentes nos dados de base. É importante mitigar o viés algorítmico para evitar discriminação e injustiças.

Experiência do usuário – À medida que a IA se torna mais complexa, garantir uma experiência positiva e intuitiva torna-se um desafio. A complexidade excessiva pode resultar em interações confusas ou frustrantes.

Segurança cibernética – Aumenta o risco de ciberataques direcionados a sistemas alimentados por IA. A proteção contra esses ataques e a garantia da integridade dos dados devem ser preocupações críticas.

Treinamento e manutenção de modelos – A necessidade contínua de treinar e manter modelos de IA pode ser desafiadora, exigindo recursos significativos em termos de dados, computação e expertise técnica.

Interpretabilidade – A compreensão dos resultados produzidos por modelos de IA complexos pode ser um desafio. A interpretabilidade correta é crucial para garantir a confiança dos usuários e a conformidade com as regulamentações.

Celeridade nas mudanças tecnológicas – A rápida evolução das tecnologias de IA pode criar desafios para as empresas acompanharem as últimas tendências e integrarem efetivamente as inovações em suas estratégias.

Resistência à mudança – Algumas pessoas podem resistir à interação com sistemas de IA temendo a substituição das interações humanas. Superar essa resistência e construir confiança são desafios importantes.

Regulamentação e compliance – A falta regulamentação ou diretrizes claras em relação ao uso da IA em estratégias de engajamento pode criar incertezas legais e de compliance. As empresas precisam estar atentas às regulamentações emergentes.

Custos – Implementar soluções de IA pode ser dispendioso, especialmente para empresas menores. O equilíbrio entre custo e benefício é essencial para garantir a sustentabilidade a longo prazo.

Ao abordar esses desafios, as empresas podem promover o desenvolvimento ético e responsável da IA em suas estratégias de engajamento, garantindo benefícios tangíveis sem comprometer a confiança dos clientes e o respeito aos princípios éticos e regulamentações aplicáveis. 

Conclusão

A tendência é clara: empresas que entendem a importância das estratégias de engajamento efetivas para permanecerem competitivas devem investir recursos para aproveitar as possibilidades que a Inteligência Artificial oferece.

À medida que a era de CX inteligente amadurece, a IA, cada vez mais, desempenhará um papel fundamental na melhoria das experiências e, consequentemente, no engajamento do cliente.

Como abordei em outro artigo aqui do blog, esse engajamento do cliente é crucial para o crescimento das empresas. Por isso, é tão importante analisar os desafios e tendências do mercado para evitar estratégias mal direcionadas. 

Se quiser saber mais sobre como a Vertem pode ajudar nas suas estratégias de engajamento, entre em contato.

COMPARTILHE EM